Abraçou o sonho da música, sempre com a audácia de fazer diferente. Cresceu a ver as pessoas a dançar ao som da música que tocava como DJ e decidiu passar para o outro lado do disco. Desse lado, fez parte dos Opera Nova, dos F.A.S. e dos NO DATA. Luís Beethoven fala da sua carreira sem romantismos mas com muita paixão, e conta-nos como tudo aconteceu.